Mercado do boi gordo resistindo às altas

Boi

Mercado do boi gordo resistindo às altas

Fatores que normalmente resultam em aumento da demanda, até o momento este movimento tem sido mais tímido
Por:
400 acessos

Mesmo com o feriado nesta quinta-feira (15/11) e o período de primeira quinzena do mês, fatores que normalmente resultam em aumento da demanda, até o momento este movimento tem sido mais tímido. Em algumas regiões as indústrias conseguiram alongar as programações de abate com boiadas de confinamento e, com as programações de abate preenchidas, as empresas mantêm as ofertas de compra nos mesmos patamares ou ofertam preços menores pela arroba.

Já os frigoríficos que estão com escalas de abate mais curtas ofertam preços maiores, porém, de maneira gradativa, alinhando a oferta à demanda vigente, que está patinando. Nestas regiões, a oferta de animais terminados está menor e, mesmo com o lento escoamento, as indústrias têm de ofertar preços maiores. No mercado atacadista de carne bovina com osso, o boi casado de animais castrados ficou cotado, em média, em R$9,96/kg (13/11), estabilidade frente ao fechamento do dia anterior.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink