Mercado do feijão opera firme, mas sem novidades

Agronegócio

Mercado do feijão opera firme, mas sem novidades

Por:
245 acessos

O mercado do feijão carioca nas regiões produtoras de Goiás oscila mais comumente entre R$ 70 a R$ 95/saca, dependendo da localidade e da qualidade do grão. O mercado pode ser considerado como firme, apesar das elevadas sobras diárias que continuam sendo reportadas no atacado paulista. Na Bolsinha/SP o extra mantém indicação entre R$ 100 a R$ 105/saca. O feijão preto oscila entre R$ 85 a R$ 90/saca, recebendo uma demanda muito fraca e consideravelmente inferior à disponibilidade no mercado. O carioca também recebe uma fraca demanda no atacado paulista. Nessa quinta-feira (16) as ofertas da variedade somaram 15.500 sacas. Mas apenas 44% deste volume foram vendidos no dia. De certa maneira, os elevados estoques do grão de menor qualidade ainda colocam sob risco a sustentação dos preços domésticos.

Preços ao redor de R$ 90/saca para o carioca de melhor qualidade são reportados nas principais regiões de terceira safra, sinalizando a possibilidade de médias neste período superiores às reportadas durante a primeira e segunda safras. Esta tendência torna-se mais provável com as recentes previsões indicando um plantio com feijão irrigado menor neste ano. O IBGE sinaliza uma área plantada 13% menor. Mas enquanto as sobras de feijão continuarem elevadas, uma certa indefinição de tendências ainda predominará. Nas regiões produtoras do Paraná, por exemplo, os preços enfraqueceram um pouco nos últimos dias. O carioca foi comercializado nessa quinta-feira na média de R$ 72,40/saca, contra R$ 75,10/saca na quarta-feira, perdendo de repente 3,5% de sustentação em apenas um dia.

Veja tabela de dados em:
http://www.faeg.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3013&Itemid=112  

A análise de mercado de feijão é realizada diariamente pela Gerência de Estudos Técnicos e Econômicos da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (FAEG).

Gerente de Estudos Técnicos e Econômicos: Edson Alves Novaes
Responsável técnico: Adriano Vendeth


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink