MG: rede laboratorial do IMA realiza mais de 6 mil análises em 2020
CI
Imagem: Divulgação
AGRPECUÁRIA

MG: rede laboratorial do IMA realiza mais de 6 mil análises em 2020

Os laboratórios analisam amostras de produtos agropecuários provenientes da indústria e de propriedades rurais

Apesar da pandemia, a rede laboratorial do Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA), vinculado à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa), realizou, no ano passado, mais de 6 mil análises de apoio à fiscalização agropecuária. Os laboratórios analisam amostras de produtos agropecuários provenientes da indústria e de propriedades rurais do estado.

A rede laboratorial é composta pelo Laboratório de Saúde Animal (LSA) e pelo Laboratório de Química Agropecuária (LQA), ambos acreditados pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), e credenciados pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) para fazer parte da Rede Nacional de Laboratórios Agropecuários do Sistema Unificado de Atenção à Sanidade Agropecuária.

Já o Laboratório de Diagnóstico Fitossanitário em Fungos e Nematoides, instalado no LQA, é credenciado no Registro Nacional de Sementes e Mudas (Renascem).

Desde março de 2020, o Governo de Minas, por meio do Plano Minas Consciente, adota medidas de enfrentamento à Covid-19. Em toda a rede laboratorial, os servidores são orientados sobre práticas individuais e coletivas, tais como a aferição da temperatura corporal de clientes e funcionários, o uso constante de máscaras e álcool em gel nas dependências das unidades e a alteração do horário de funcionamento.

Neste ano, parte dos servidores da rede laboratorial permanece em trabalho remoto, mas as unidades contam com equipe presencial para atividades essenciais demandadas pela indústria e pelos produtores rurais.

Segundo cronograma firmado entre os laboratórios e as gerências técnicas do IMA, a previsão é que novas amostras sejam analisadas ainda no primeiro trimestre deste ano.

"Seguindo as normas do Governo de Minas, estamos com o atendimento presencial reduzido. Aos poucos, considerando a retomada gradual das atividades, a expectativa para este ano é de aumento da demanda na coleta de amostras oriundas das propriedades rurais e da indústria", estima o responsável pela Unidade de Gestão da Qualidade do IMA, Alexandre Augusto Soares.

Antes da pandemia, o LQA foi auditado pela Coordenação Geral de Acreditação (CGCRE) do Inmetro, que aprovou parâmetros físico-químicos no leite e em produtos cárneos e lácteos e, ainda, manteve a acreditação nos ensaios de resíduos de agrotóxicos, diagnósticos fitossanitários em insetos, fungos e nematoides.

"Além de atestar a competência técnica da equipe da rede laboratorial, a acreditação junto à CGCRE/Inmetro, impulsiona a conquista de mercados", lembra Soares.

Análises

No LSA, o fiscal agropecuário do IMA, Guilherme Canhestro, destaca as análises laboratoriais para o diagnóstico de raiva, brucelose e peste suína clássica (PSC) realizadas no ano passado.

E, segundo Canhestro, as perspectivas são otimistas para 2021. "Vamos realizar todas as atividades previstas pelo cronograma, inclusive, temos uma auditoria da CGCRE/Inmetro confirmada para fevereiro", informa o fiscal agropecuário.

Doenças

O LSA realiza diagnósticos de febre aftosa, raiva, sarna sarcóptica, anemia infecciosa equina (AIE), brucelose, leptospirose, doença de Aujeszky, peste suína clássica (PSC) e encefalopatia espongiforme transmissível (EET), mais conhecida como a doença da "vaca louca". O laboratório também produz insumos, meios de cultura e reagentes.

Já o LQA é especializado em análises físico-químicas e microbiológicas de água e produtos de origem animal; contaminação de alimentos decorrente do uso de agrotóxicos; análises físico-químicas de solos agrícolas; identificação de insetos em agroecossistemas e detecção de fungos e nematoides.

Atendimento

O horário de atendimento nos laboratórios permanece de acordo com o Plano de Contingência de enfrentamento da Covid-19.
As amostras podem ser entregues de segunda a sexta, de 9h às 16h, no LQA, e de 8h às 16h, no LSA.

Durante o atendimento nas unidades, é necessário adotar todos os procedimentos e cuidados de prevenção à Covid-19, tais como a utilização de máscara e higienização das mãos. O cliente também é submetido à aferição de temperatura, sendo permitida a entrada de apenas uma pessoa por atendimento.

Localização

Laboratório de Saúde Animal (LSA)

Av. do Contorno 1.707 - Floresta. Belo Horizonte (MG)
(31) 3213 8209
lsa@ima.mg.gov.br

Laboratório de Química Agropecuária (LQA)

BR040 km 688 - anexo ao prédio da administração da Ceasa Minas. Contagem (MG)
(31) 3768-5600
grl@ima.mg.gov.br

Mais informações sobre os serviços prestados pela Rede Laboratorial em
ima.mg.gov.br.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink