Milho: mercado tende a se manter sem alterações

ESTIMATIVA

Milho: mercado tende a se manter sem alterações

" O mercado vinha frouxo desde o começo de outubro principalmente por conta do dólar"
Por: -Leonardo Gottems
788 acessos

O mercado de milho deve permanecer inalterado, sem possibilidade de reversão a curto prazo, devido à proximidade da nova safra. É isso que informa o especialista Luiz Fernando Pacheco, analista da T&F Consultoria Agroeconômica, que indicou também que a tendência é de que haja uma queda na demanda. 

“O analista e operador da B3 Frederico Schmidt, da Priore Investimentos, relata que mercado vinha frouxo desde o começo de outubro principalmente por conta do dólar e pode ficar assim por mais algum período, já que o início de safra de verão segue sem maiores problemas. Ainda tem bastante milho da safra passada entrando no mercado interno, inclusive da exportação, cuja demanda tende só a cair de agora em diante”, escreveu. 

Nesse cenário, o analista confirma a opinião de que a situação de risco não será revertida em um período próximo, mesmo com a alta, ainda não confirmada, na B3. “São Paulo, que acaba sendo um grande formador de preços, está recebendo bastante milho do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul e indicações de preços para exportação para novembro e dezembro estão girando entre R$ 35,00 e R$ 36,00, mesmos patamares atuais”, comenta. 

“No MT saíram cerca de 60.000 tons no mercado spot em PLeste a preços entre R$ 22,00 e outras 12.000 toneladas em Campo Verde a R$ 22,00, tudo para o mercado interno (indústrias de etanol). Para 2019 saíram 40.000 tons no sul do estado a R$ 20,50-R$ 22,00 para exportação”, completa. 

Pacheco finaliza dizendo que baixa demanda não estimula o avanço dos prêmios, enquanto as altas em Chicago equalizam o pequeno avanço da taxa de câmbio. As indicações para Nov/18 e Dez/18 estão mantidas em R$ 35,0/sc e R$ 37,0/sc, em Paranaguá e Santos, respectivamente.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink