Milho: produtores antecipam vendas e não aproveitam preços recordes

Agronegócio

Milho: produtores antecipam vendas e não aproveitam preços recordes

Atualmente o milho está cotada a R$ 27,10 em Sapezal e R$ 31, em Campo Verde
Por:
805 acessos

Atualmente o milho está cotada a R$ 27,10 em Sapezal e R$ 31, em Campo Verde

Menos da metade dos produtores mato-grossenses conseguiram aproveitar os preços recordes dos últimos dois meses pagos pela saca de milho na atual safra. Segundo boletim do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), 63,5% da produção foi comercializada antecipadamente (antes da colheita), com um preço médio ponderado de R$ 17,11 por saca.

Os especialistas apontam que os preços subiram em decorrência da diminuição na oferta interna do grão. Apesar disso, aponta o Imea, o Valor Bruto da Produção (VBP) da produção de milho no Estado, em 2016, deve ser o segundo maior da história (perde para 2015, que teve produção recorde). A última previsão prevê um facturamento de R$ 6,51 bilhões, o que representa queda de 4,04% em relação a última safra e 9,58%, ante o último levantamento.

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink