Milho/CEPEA: Preço volta a cair; área da safra de verão 14/15 deve ser menor

Agronegócio

Milho/CEPEA: Preço volta a cair; área da safra de verão 14/15 deve ser menor

Baixas nas cotações no porto, têm influenciado as desvalorizações do milho em praças do interior
Por:
2599 acessos

Os valores de milho voltaram a ser pressionados de forma mais intensa no Brasil, de acordo com dados do Cepea. O grande excedente interno e as quedas nos preços externos, que resultaram em baixas nas cotações no porto, têm influenciado as desvalorizações do milho em praças do interior. Nem mesmo o maior ritmo das exportações tem sustentado os valores domésticos.

Diante desse cenário, estimativas já apontam novas reduções da área na primeira safra de 2014/15. Entre 1º e 8 de setembro, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa, referente à região de Campinas (SP), caiu 2,84%, fechando a R$ 21,87/saca de 60 kg na segunda-feira, 8. Se considerados os negócios também em Campinas, mas cujos prazos de pagamento são descontados pela taxa de desconto NPR, o preço médio à vista foi de R$ 21,33/sc de 60 kg na segunda, baixa de 2,91%.

Em agosto, as quedas foram de 0,6% e de 1,1%, respectivamente. No Paraná, dados do Deral/Seab indicam que a área com milho na safra de verão 2014/15 deve ser de 572,7 mil hectares, 14% a menos que na temporada anterior e a menor área cultivada com milho verão no estado, desde que a Secretaria começou o levantamento. Para o Rio Grande do Sul, a Emater sinaliza redução de 5,74% na área com milho de verão em 2014/15.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink