Milho e soja terão colheita de verão maior, aponta Safras
CI
Agronegócio

Milho e soja terão colheita de verão maior, aponta Safras

7,8% de aumento na produção de milho de verão está previsto
Por:
O Brasil deverá reduzir o cultivo do milho em 6,1% no próximo verão, aponta projeção da Safras & Mercado divulgada na sexta-feira (25). O país concentra o cereal no Centro-Sul na estação quente do ano. Acuado pela desvalorização registrada nas cotações internacionais, o grão terá 5,14 milhões de hectares na região, com recuo de 5,6% no Paraná e em Minas Gerais e de 9,8% no Rio Grande do Sul (os três principais produtores), prevê a consultoria.


Por outro lado, a estimativa é de crescimento de 5% na área da soja, para 31,2 milhões de hectares, considerando o Centro-Sul e as demais regiões. Com essa nova expansão, Mato Grosso chegaria a 8,7 milhões de hectares (+4% em relação a 2013/14), Paraná a 5,3 milhões (+5%) e Rio Grande do Sul a 5,2 milhões (+5%). A área nacional abre espaço para uma safra de soja de 94,5 milhões de toneladas, avalia a Safras & Mercado. Trata-se de volume recorde com incremento de 7,8 milhões de toneladas. Apesar da queda de área, a previsão é de aumento também na colheita de milho, para 28 milhões de toneladas: 2 milhões a mais do que o volume estimado pela consultoria para o verão passado.


Produtividade

7,8% de aumento na produção de milho de verão está previsto pela Safras & Mercado para 2014/15, apesar de redução de 6% na área plantada. Ano de El Niño, com previsão de mais chuva, será favorável à produtividade do Centro-Sul, sustenta a consultoria.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink