Ministério divulga normas técnicas para produção do tabaco

Agronegócio

Ministério divulga normas técnicas para produção do tabaco

Documento define regras para capacitação de trabalhadores
Por:
988 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
 
Documento define regras para capacitação de trabalhadores, organização dos produtores, nutrição das plantas e outras atividades

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento estabeleceu normas técnicas específicas para a produção integrada do tabaco. A decisão, publicada no Diário Oficial da União (DOU) de segunda-feira (11/08), refere-se a todo o processo de realização dos produtos em três etapas: produção, colheita e pós-colheita. 
 
O documento conta com regras para capacitação de trabalhadores, a organização dos produtores, recursos naturais, material de propaganda, nutrição das plantas, manejo do solo, análise de resíduos, entre outros. Visando um menor dano ao meio ambiente, por exemplo, os produtores devem usar somente lenha de origem legal e sustentável para cura e e secagem do tabaco. 
 
Com o objetivo de proteger o solo, o documento fixa que seja feita uma análise periódica das áreas de produção de tabaco e que práticas contra erosão sejam tomadas.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink