Ministro da Agricultura só admite rever taxa de etanol importado após estudos, diz pasta
CI
Etanol

Ministro da Agricultura só admite rever taxa de etanol importado após estudos, diz pasta

A fala foi criticada por representantes do setor sucroenergético nesta quarta-feira
Por:

O Ministério da Agricultura afirmou que o ministro Blairo Maggi só admite “hipótese” de rever a taxação de etanol importado se estudos, já encomendados, “demonstrarem tecnicamente que a medida não mais se justifica”, de acordo com nota publicado no site da pasta nesta quarta-feira.

Na véspera, durante evento em Brasília, Maggi disse que o governo avalia acabar com uma taxa de 20 por cento sobre o biocombustível importado, algo que poderia ajudar a reabrir o mercado dos Estados Unidos à carne bovina brasileira.

A fala foi criticada por representantes do setor sucroenergético nesta quarta-feira, uma vez que quando instituída a taxação tinha previsão de vigorar por 24 meses.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.