Agronegócio

Ministros da AL discutem sustentabilidade dos recursos hídricos

Solenidade de abertura do Encontro de Ministros da Agricultura 2013 será transmitida ao vivo pela internet
Por:
799 acessos
A partir desta terça-feira (24), às 17h, os ministros da agricultura das Américas discutem como a agricultura pode promover o uso sustentável na água, ao mesmo tempo em que incrementa a competitividade e atende à crescente demanda mundial por alimentos. A reunião segue até sexta-feira (27), na cidade de Campana, província de Buenos Aires, Argentina, e resultará em um documento com as recomendações do mais alto nível político do setor em todo o continente. A solenidade poderá ser acompanhada ao vivo.

A presidente da Argentina, Cristina Fernández de Kirchner, e o diretor-geral do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), Víctor Villalobos, coorganizadores do evento, abrirão Encontro de Ministros da Agricultura das Américas 2013. Em seguida, o coordenador de Recursos Naturais e Mudanças Climáticas do instituto no Brasil, Gertjan Beekman, proferirá uma palestra sobre a gestão integral dos recursos hídricos. O brasil será representado pelo ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade.

Será a primeira vez que ministros da Agricultura de toda a América negociam ações para fortalecer a participação do setor na gestão integrada dos recursos hídricos regionais, uma tarefa em que a agricultura é um ponto chave. A questão do uso da água na produção agrícola será amplamente discutida pelos ministros em um fórum, no qual serão apresentados os principais desafios. Ao final, serão emitidas recomendações para se assegurar que a agricultura conte com recursos hídricos necessários para produzir alimentos, energia e fibras que necessários para a humanidade.


Essas ações devem ir do fortalecimento institucional até a modernização dos sistemas de inovação. O IICA fornecerá às discussões conhecimentos técnicos acumulados em mais de 70 anos a serviço da agricultura nas Américas. Além de especialistas do instituto, participarão técnicos do Instituto Internacional de Pesquisas sobre Políticas Alimentares (IFPRI, na sigla em inglês), do Instituto de Tecnologia de Agroalimentícia de Catalunha (IRTA), da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) e do Instituto Nacional de Tecnologia Agropecuária da Argentina (Inta).


Durante o encontro de ministros também será apresentado o quinto relatório sobre as perspectivas para a agricultura e o desenvolvimento rural nas Américas, um informe anual produzido em conjunto pelo IICA, a FAO e a Comissão Econômica para a América Latina e Caribe (Cepal). Este ano o documento tem um capítulo especial sobre a situação da agricultura familiar no continente.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink