Missão chinesa visita lavouras no Centro-Oeste
CI
Agronegócio

Missão chinesa visita lavouras no Centro-Oeste

Por:

Uma missão de técnicos da China chegou no final de semana ao Brasil. Os 14 integrantes do Ministério da Agricultura daquele país asiático vão vistoriar algumas plantações de soja. O objetivo da visita é conhecer e discutir o sistema de cultivo do Brasil. A missão vem também pôr fim aos boatos de que o governo chinês estaria restringindo a soja brasileira por falta de certificação para que fossem identificados os lotes de produtos alterados geneticamente.

Segundo informações da assessoria de imprensa do Ministério da Agricultura, da Pecuária e Abastecimento, a visita da missão comprova que o governo chinês não rejeitou o parecer técnico brasileiro sobre a certificação da soja.

O Brasil enviou ao governo da China uma proposta de certificação oficial, segundo a qual o ministério declara às autoridades chinesas que a soja brasileira é convencional mas pode conter organismos geneticamente modificados, como a variedade Roundup Ready (RR), da Monsanto.

Os membros do governo chinês, liderados pelo vice-diretor geral do Departamento da Produção Vegetal da China, Sui Pengfei, irão conhecer a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária-Embrapa Cerrados, no Distrito Federal; algumas fazendas localizadas no estado de Mato Grosso; a Cooperativa de Campo Mourão (Coamo), no município de Campo Mourão, no norte do Paraná; e a Bolsa de Mercadorias & de Futuros (BM&F). A visita da missão chinesa encerra-se no próximo dia 22 de janeiro.

Rumores

No mercado, há rumores sobre o veto da soja brasileira no mercado chinês. Segundo uma fonte da indústria, os chineses querem somente informações sobre se a soja adquirida é segura para o consumo.

Neila Baldi


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.