Monsanto abre centro para estudo do uso da água na lavoura

Agronegócio

Monsanto abre centro para estudo do uso da água na lavoura

O objetivo é buscar formas de ajudar produtores rurais a gerenciar melhor o uso da água no campo
Por: -Renata
568 acessos
A Monsanto acaba de inaugurar o Water Utilization Learning Center (Centro de Aprendizagem do Uso da Água), em Gothenburg, no estado americano de Nebraska. O objetivo é buscar formas de ajudar produtores rurais a gerenciar melhor o uso da água no campo.

O centro, de US$ 6 milhões e patrocinado pela Genuity, uma das marcas da Monsanto nos Estados Unidos, é o primeiro a desenvolver pesquisas sobre uso de água na agricultura, como sistemas de plantio, práticas agronômicas e estudo de traços genéticos – incluindo tecnologias de eficiência de uso de água, como sistemas resistentes à seca.

Com a unidade, a Monsanto pretende desenvolver soluções que melhorem a produtividade de agricultores das planícies da região Oeste dos EUA e, ao mesmo tempo, entender como é o uso de água durante a safra. A água tem fundamental importância na agricultura: somente nos Estados Unidos, de 4 milhões a 5 milhões de hectares plantados podem sofrem com a estiagem, ainda que de forma moderada.

Nos 62 hectares da unidade, serão feitas mais de 80 demonstrações de plantio e irrigação. Entre as tecnologias presentes nas amostras, estão soja Roundup Ready 2 Yield, milho VT Triple PRO e a primeira geração de milho resistente à seca. Além da área destinada à plantação, o centro tem uma estação de pesquisa de quase 2 mil metros quadrados e um silo para secagem de milho. As informações são da assessoria de imprensa da Monsanto.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink