Monsanto e fundo BR Startups estendem o prazo e ampliam as oportunidades para inscrições de empresas menores

Agronegócio

Monsanto e fundo BR Startups estendem o prazo e ampliam as oportunidades para inscrições de empresas menores

Extensão do prazo foi anunciada esta semana pela MSW Capital, gestora do Fundo
Por:
1966 acessos

Extensão do prazo foi anunciada esta semana pela MSW Capital, gestora do Fundo

As inscrições para o Programa de Investimentos do Fundo Brasil Aceleradora de Startups - BR Startups voltado a empresas do agronegócio foi estendido para 25 de agosto.  A extensão do prazo foi anunciada esta semana pela MSW Capital, gestora do Fundo. Com o aporte da Monsanto, o fundo fortalecerá sua atuação com startups que estejam criando inovação tecnológica para o agronegócio. Além de ampliar o tempo, o fundo comunicou também a redução do faturamento mínimo para R$ 160 mil por ano, com o objetivo de aumentar sua abrangência. O anterior era de R$ 300 mil. Para participar, as Agritechs devem ser brasileiras, ter pelo menos dois sócios e faturamento anual entre R$ 160 mil e R$ 10 milhões. As inscrições devem ser feitas pelo link: http://www.fundacity.com/fundo-br-startups/apply/990.

O fundo BR Startups foi criado pela Microsoft Participações, holding de investimentos lançada em 2012 para realizar investimentos estratégicos relacionados ao fomento à inovação e ao empreendedorismo, em conjunto com a Qualcomm Ventures, a ES Ventures (Portugal) e a Agência de Fomento do Estado do Rio de Janeiro (AgeRio).  O fundo é gerido pela MSW Capital, gestora com experiência na orientação de empreendedores e histórico em fusões e aquisições.

“A união de forças entre a Monsanto e o Fundo BR Startups dará aos empreendedores mais inovadores do país uma oportunidade única de usar toda a tecnologia disponível para transformar a agricultura nacional”, diz Paula Bellizia, presidente da Microsoft Brasil. “Acreditamos que a colaboração é uma ferramenta fundamental para que o mundo consiga alimentar 9,7 bilhões de pessoas em 2050, e este é um passo nessa direção”, concluiu o presidente da Monsanto para a América do Sul, Rodrigo Santos.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink