Morre pesquisador Hennie le Roux, reconhecido como um dos melhores consultores de citros do mundo

Agronegócio

Morre pesquisador Hennie le Roux, reconhecido como um dos melhores consultores de citros do mundo

Pesquisador faleceu nesta terça-feira (04.10)
Por:
560 acessos

Faleceu nesta terça-feira (4), o pesquisador sul-africano Hennie le Roux, aos 58 anos, reconhecido como um dos melhores consultores de citros do mundo.  

O pesquisador foi gerente da Divisão de Extensão do Citrus Research International (CRI), na África do Sul, por mais de 30 anos, era extensionista e tinha como objetivo transmitir o conhecimento para os citricultores sul-africanos. Recentemente, ocupava o cargo de gerente de Biossegurança do CRI, sendo responsável por proteger a citricultura de novas pragas e doenças.

No auge da CVC, em São Paulo, Roux auxiliou na importação do conceito de viveiro protegido para produção de mudas sadias no estado. Chegou a visitar o Brasil por várias vezes e também participou do primeiro Workshop Internacional de Grenning, promovido pelo Fundecitrus, em 2006, em Ribeirão Preto (SP).

“Além de nosso grande amigo, ele contribui fortemente no controle da CVC, HLB e viveiros protegidos sempre de forma altruísta. A citricultura mundial sentirá muito sua falta”, diz o gerente do Fundecitrus Juliano Ayres.

 De acordo com o pesquisador do Fundecitrus Renato Beozzo Bassanezi, Roux era uma das que mais conheciam o greening, na África do Sul.  “Era uma pessoa muito agradável, atenciosa e humilde, com um conhecimento enorme e sempre pronto para explicar”, afirma Bassanezi.

O pesquisador Eduardo Feichtenberger, do Instituto Biológico, também ressalta a importância do trabalho de Roux para a produção mundial de citros. “Mais uma grande perda para a citricultura neste ano. Tive o grande prazer de conhecê-lo e com ele dividir grandes momentos. A citricultura brasileira e mundial muito devem ao Hennie”, diz.

O Fundecitrus lamenta profundamente a perda de Hennie le Roux e presta seus sentimentos aos familiares e amigos.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink