Movimento caminhoneiro afetou embarques de ovos férteis
CI
Ovos

Movimento caminhoneiro afetou embarques de ovos férteis

Exportações brasileiras de ovos férteis destinados à produção de pintos de corte sofreram sério revés em decorrência da greve dos caminhoneiros
Por:

Os dados da SECEX/MDIC relativos a maio passado confirmam que as exportações brasileiras de ovos férteis destinados à produção de pintos de corte sofreram sério revés em decorrência da greve dos caminhoneiros. Significativamente crescentes desde março, os embarques atingiram recorde histórico no mês de abril, contando-se que esse recorde seria superado novamente no mês de maio.

Mas a paralisação nacional do trânsito de mercadorias frustrou essa expectativa, pois o volume embarcado – 15,759 milhões de unidades – representou queda de 34,36% sobre o mês anterior. Ou seja: como a greve “roubou” um terço do mês, os embarques também recuaram em torno de um terço.

Ainda assim, o total exportado nos cinco primeiros meses do ano continua apresentando evolução significativa. O total levantado aponta embarques de 89,678 milhões de unidades, volume 37,21% superior ao alcançado nos cinco primeiros meses de 2017. O acumulado em 12 meses apresenta índice de expansão muito similar: +38,45%.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink