MS levanta barreira ao gado boliviano
CI
Agronegócio

MS levanta barreira ao gado boliviano

Policiais militares estão fazendo barreira em Corumbá (MS), impedindo a entrada de bovinos, carnes, leites e produtos agrícolas da Bolívia
Por:

Na tarde desse domingo (28-01), desde às 18 horas, uma barreira por policiais militares no posto da fronteira da Receita Federal, em Corumbá, já impedia a entrada de bovinos, carnes, leites e produtos agrícolas da Bolívia, onde foi confirmado um foco de febre aftosa, na região leste do País. A informação é do diretor-presidente da Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal), Roberto Bacha.

Na manhã desta segunda-feira (29-01) foi organizada uma ação mais sistematizada de prevenção e profilaxia. Além da equipe em posto fixo, que vai promover desinfecção de veículos vindos da Bolívia e coibir a entrada dos produtos, haverá outra sete volantes, sendo seis e veículos e uma fluvial, descendo o Rio Paraguai, diz Bacha. Ele destaca, ainda, que no dia 1º terá início as vacinações de bezerros em municípios da fronteira com o Paraguai e com a Bolívia.

O foco da febre aftosa no País vizinho é um inconveniente em um momento estratégico para Mato Grosso do Sul. O Estado será defendido na próxima quarta-feira, em reunião da Organização Mundial de Saúde Animal, em Paris, para que retome seu status junto ao mercado internacional e volte a exportar na mesma escala de antes dos últimos focos da doença, ocorridos em outubro de 2005.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink