MT: Indígenas do estado recebem 2ª etapa de entrega de sementes

Agricultura

MT: Indígenas do estado recebem 2ª etapa de entrega de sementes

Conab conclui nesta sexta-feira (12) a entrega de sementes de melancia para aldeias indígenas estabelecidas no norte do estado
Por:
38 acessos

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) conclui nesta sexta-feira (12) a entrega de sementes de melancia para aldeias indígenas estabelecidas no norte do estado. O produto foi adquirido pela estatal de agricultores familiares de Mato Grosso, por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA).

Esta é a segunda etapa das operações. Neste ciclo, serão entregues 850 quilos de sementes de melancia, nas espécies Charleston Gray, Crimson Sweet e Crioula Polpa Amarela. O produto será ofertado para 40 aldeias das etnias Kuruzinho, Nassepotiti, Kororoti, Kapoto, Mayrowi e Kuxonoti. A distribuição será feita pela Fundação Nacional do Índio (Funai), que solicitou a aquisição.

“Esta ação proporciona uma redução na necessidade de cestas básicas por parte destas aldeias, o que gera mais economia e garante um abastecimento sustentável”, ressalta a superintendente da Conab no estado, Francielle Tonietti Capilé Guedes. “Além disso, também fomenta o trabalho da agricultura familiar, de quem compramos o produto. Nesta operação, agricultores familiares da Cooperativa Agroecológica Nacional Terra e Vida tiveram uma renda total de R$ 53,5 mil pela venda das sementes”.

O PAA é um dos programas executados pela Conab e tem como objetivo fortalecer o trabalho e a manutenção da agricultura familiar, além de contribuir com o enfrentamento da fome e da pobreza. Na modalidade de aquisição de sementes, a Companhia compra o produto das organizações de pequenos produtores para atender as demandas dos órgãos parceiros que acolhem as comunidades especiais, para que cultivem alimentos. Com isso, promove o abastecimento das comunidades necessitadas ao mesmo tempo em que garante renda ao agricultor familiar.

Cestas de alimentos – Outra ação realizada no estado nesta semana é a entrega de cestas de alimentos a indígenas e quilombolas. Ao todo, serão 800 cestas distribuídas às populações indígenas dos municípios de Porto Alegre do Norte e Colíder. Entre as etnias atendidas estão: Kanela do Araguaia (540 cestas) e Capoto/Jarina (260 cestas). Cada família receberá 2 unidades. Já para os quilombolas serão distribuídas 904 cestas, para famílias localizadas em Cáceres, Chapada dos Guimarães, Nossa Senhora do Livramento e Poconé.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink