Agronegócio

MT é líder nacional em recolhimento de embalagens

As embalagens recolhidas no Estado representam 20% do total no país
Por: -Redação
1 acessos

Segundo dados do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (Inpev), Mato Grosso lidera o ranking de destinação final de embalagens vazias, assumindo 20% do montante com 278,8 toneladas em dezembro, sendo 268,7 toneladas de embalagens lavadas e 10 toneladas que detectaram contaminação. Nesse mesmo período, no Brasil, as embalagens foram da ordem de 1,371 mil toneladas, sendo as lavadas 1,195 mil toneladas e as contaminadas 175 toneladas.

Entre janeiro e dezembro, o Estado acumulou 4,554 mil toneladas de embalagens, o que refletiu 23,2% do total de 19,63 mil toneladas arrecadadas no Brasil. Comparado com 2005, a evolução da destinação final ficou na ordem de 17,1%. Apesar de Mato Grosso recolher o maior numero de embalagens, foi o Paraná que surpreendeu, com mais recipientes contaminados -565 toneladas contra 265 toneladas no Estado. É válido lembrar que o estado paranaense recolheu 3,757 mil toneladas de embalagens.

Mato Grosso vem se ressaltando no recolhimento das embalagens, uma vez que no decorrer dos anos, os números se tornam crescentes nesse sentido. Em 2003, o Estado acumulou 1,598 mil toneladas. Já em 2004, o número passou para 2,992 mil toneladas, saltando para 3,891 mil toneladas em 2005. Ano passado o Estado liderou o ranking com 4,554 mil toneladas de embalagens. Os dados são reflexo da conscientização do produtor agrícola obedecendo a mesma sistemática ocorrida em todo o País.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink