MT mostra seu potencial
CI
Agronegócio

MT mostra seu potencial

IBGE ratifica Estado como maior rebanho de bovinos do país
Por:
IBGE ratifica Estado como maior rebanho de bovinos do país e mostra evolução em suínos e galináceos e na produção de ovos e leite

Mato Grosso é destaque no levantamento Produção da Pecuária Municipal 2011 (PPM/2011), divulgado na quinta-feira (18), pelo IBGE, que traça um raio-X desta atividade no país. Além de ratificar o rebanho estadual como o maior do Brasil, o Instituto mostra a evolução local na pecuária suína e de galináceos, como também a expansão na produção de leite e de ovos. Em todos esses setores da atividade, Mato Grosso está sempre em os dez primeiros do Brasil.


Em bovinos, o rebanho estadual cresceu entre 2010 e 2011, 1,77%, passando de 28,75 milhões de cabeças pata 29,26 milhões, participando com 13,8% da oferta nacional. No país, o avanço foi de 1,6%, chegando a 212,8 milhões de cabeças no ano passado. O ranking do PPM traz os 20 maiores rebanhos municipais e Mato Grosso está representado por cinco: Juara, o quarto maior do país com 927.838 animais, seguido de Vila Bela da Santíssima Trindade com 888.430, como o quinto maior do Brasil. Completam o ranking, Cáceres (887.323), Alta Floresta (838.919) e Vila Rica (729.953). Juntos, os cinco municípios detêm 4,27 milhões de cabeças, volume que representa quase 15% do total estadual.

Mesmo liderando a criação de bovinos, o Estado ainda tem muitos desafios em relação à produção de leite. O PPM mostra que apenas 2,2% do efetivo de matrizes bovinas são ordenhadas, é a menor taxa de aproveitamento do Brasil que é de 10,9% e na região Centro-Oeste, 5,2%. Cada vaca produz por ano 1.173 litros. O rebanho ordenhado soma 633.782 vacas, que juntas produziram no ano passado 743 milhões de litros. Apesar da baixa produtividade, a produção contabilizada no ano passado elevou o Estado da 10ª para a 9ª posição nacional na produção de leite.

De acordo com o levantamento, o Estado é o sexto em equinos com rebanho de 350 mil animais. Minas Gerais lidera o plantel brasileiro com 787.129 animais. Entre os 20 maiores rebanhos do país, Cáceres (225 quilômetros ao oeste de Cuiabá) - que também é destaque na criação de bovinos - detém o 13º rebanho nacional com 11.091 cavalos.


Na criação de muares (burros e mulas) o Estado detém o quinto maior rebanho brasileiro com 93.161 exemplares. Este ranking é liderado pela Bahia com 274.666 animais. Entre os 20 maiores rebanhos do país, três municípios mato-grossenses se destacam: Juara (3.429), seguido do Nova Bandeirantes (3.196) e Vila Bela da Santíssima Trindade (3.083).

Na suinocultura, Mato Grosso já reúne o sexto maior rebanho do país com 1,95 milhão de animais, ou, 5% do total brasileiro de 39,30 milhões. Santa Catarina lidera a criação com mais de 7,96 milhões de cabeças. Mesmo participando com apenas 5%, Mato Grosso se destaca entre os 20 maiores criadores nacionais com Tapurah, 298.743 suínos, e Sorriso com 165.937.

Na criação de ovinos (ovelhas, carneiros e cordeiros), Mato Grosso soma 474.581 animais, ocupando o nono lugar do ranking, liderado pelo Rio Grande do Sul, 4 milhões.

GALINÁCEOS – Nesta atividade pecuária, Mato Grosso revela dois importantes números. Em volume de galos, galinhas, pintos, frangos e frangas, o Estado é o sétimo plantel nacional com 35,66 milhões. O Paraná lidera com 233,96 milhões de animais. Entre os 20 maiores criatórios do Brasil, o Estado é destaque com Nova Mutum, cujo plantel soma pouco mais de 9 milhões de cabeças.


Na produção de ovos Mato Grosso é o nono maior do país com 155.918 milhões de dúzias, São Paulo lidera com 881.445 milhões de dúzias. Entre os 20 maiores do Brasil, são destaques dois municípios mato-grossenses, Primavera do Leste, quarto produtor nacional com 62.233 milhões de dúzias, e, Campo Verde com 27.194 milhão. As duas cidades localizadas ao sul de Cuiabá respondem por quase 60% da produção de ovos do Estado, ou, 89.227 mil dúzias.

DESTAQUES – Completam as criações pecuárias brasileiras as criações de caprinos, bubalinos, abelhas, bicho-da-seda e coelhos. Destes, mato Grosso detém apenas rebanhos de bubalinos (búfalos) e caprinos (cabras e bodes). Em bubalinos, Mato Grosso reúne o 11º rebanho do país, com 16.148 animais. O maior pertence ao Pará com 485.033 animais. Com caprinos, o Estado é apenas o 16º com 33.612. Lidera essa atividade a Bahia com mais de 2.74 milhão de exemplares.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink