Na parcial do mês, alta do indicador chega a 19%

BOI

Na parcial do mês, alta do indicador chega a 19%

Forte demanda pela proteína bovina tem impulsionado os preços dos animais para abate e da carne no mercado atacadista
Por:
438 acessos

Desde o início desta semana, o Indicador do boi gordo ESALQ/B3 é fechado acima de R$ 200,00, patamar recorde real da série de preços do Cepea, iniciada em 1994 para este produto (os valores foram deflacionados pelo IGP-DI de outubro/19). Nessa quarta-feira, 20, o Indicador fechou a R$ 203,30, com alta de 19% no acumulado parcial de novembro.

De acordo com pesquisas do Cepea, no atacado da Grande São Paulo, a carcaça casada do boi registra sucessivos valores recordes desde o dia 8 deste mês, encerrando a R$ 14,69/kg, à vista, nessa quarta, elevação de 25% no acumulado de novembro.

Além da menor oferta doméstica, a forte demanda pela proteína bovina tem impulsionado os preços dos animais para abate e da carne no mercado atacadista. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink