Neri Geller lança safra de grãos em MT

Agronegócio

Neri Geller lança safra de grãos em MT

Expectativa é que área nacional de soja aumente 5% na safra 2014/15
Por:
2172 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Neri Geller, participou nesta sexta-feira (19.09), do lançamento da Safra de Grãos 2014/2015 em Sorriso (MT). “Neste mês, em que iniciamos o plantio da safra de soja, estamos na cidade que é a maior produtora de soja do país. Uma das regiões que mais agrega valor aos produtos e na qual a agroindústria está entrando muito forte. Para a próxima safra, esperamos que a nossa produção seja ainda mais rentável para os produtores e para o Brasil”, disse Neri.

A previsão para a safra 2014/2015 em todo o país para a soja é de 94,86 milhões de toneladas, de acordo com o estudo “Perspectivas para a Agropecuária”, desenvolvido pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Segundo este mesmo estudo, a área nacional de soja deve aumentar em aproximadamente 5% na safra 2014/2015, passando de 30,11 milhões de hectares para 31,62 milhões de hectares, com uma produtividade média estimada de 3.000 kg/ha.

O ministro destacou o potencial da região e ações tomadas pelo governo em setores prioritários, como preços mínimos de grãos e logística. “Sorriso é o maior produtor de soja do país, então é importante você dar uma atenção especial em função do que representa toda essa região, não só a cidade, como Lucas do Rio Verde, Sinop, Vera, Nova Mutum, enfim, todos esses que são realmente um grande celeiro em produção, não só de grãos, mas com agregação de valor com a agroindústria agora. Vários investimentos do governo federal estão sendo feitos, seja ele no programa de armazenagem, na sustentação de preço, no caso do milho”, disse.

Geller enfatizou que, no caso dos valores mínimos, “estamos fazendo a sustentação no caso do milho  (nesta quinta-feira houve o quarto leilão). Logística é a (BR) 163 sendo concluída, a (MT) 242 andando a passos largos, mas ainda tem um pedaço que ainda é uma licença da FUNAI, que precisa ser liberado  e isso vai acontecer, como a estruturação portuária, que está acontecendo muito forte”. Ele ainda frisou que, com a “conclusão da (BR) 163 que já está dando fluxo e levando boa parte da nossa produção, então as coisas estão acontecendo com muita força”.

A reunião definitiva com produtores, que estava prevista, deve acontecer em outra data, mas chegou-se a falar  preço mínimo da soja também, que está em torno de R$ 25, para o qual os próprios agricultores apontam que o viável é R$ 40. Espera-se que propostas sejam sinalizadas. “Os assuntos de reivindicação, nós estamos levando ao ministro sempre através das entidades, então hoje nós vamos reservar para uma data mais festiva, mais comemorativa, que é o lançamento do plantio da safra 2014/2015 e portanto vamos comemorar com grande nível de autoridades ligadas ao evento estando presentes, e isso mostra que a Capital Nacional do Agronegócio é prestigiada”, disse o vice-presidente do sindicato rural, Elso Pozzobom.

Na safra 2013/2014, Sorriso produziu 2.070.000 toneladas de soja em 633.400 hectares plantados. 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink