Nilza suspende pagamentos e pode parar

Agronegócio

Nilza suspende pagamentos e pode parar

Por:
1 acessos
A Cooperativa Central Leite Nilza suspendeu os pagamentos dos débitos com fornecedores e funcionários - estimados em R$ 10 milhões - que venciam entre sexta-feira e ontem, informou a assessoria de comunicação da empresa. Semana passada, a direção da cooperativa afirmou que poderia suspender os pagamentos por conta de uma liminar, liberada após ação do banco BBM contra a a cooperativa, que definiu que os pagamentos da CBD - controladora do Pão de Açúcar - e do Carrefour à Nilza seriam feitos em juízo.


Ainda por meio da assessoria, a Nilza informou que se não houver solução para o caso em 15 dias, as operações podem ser paralisadas. Até o fechamento desta edição, a direção negociava com fornecedores de leite uma forma de pagá-los "parcialmente nos próximos dias".

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink