No Rio Grande do Sul, custos de produção mantêm queda em julho

Agronegócio

No Rio Grande do Sul, custos de produção mantêm queda em julho

Os agroquímicos se mantém em alta e não acompanham a variação cambial
Por:
539 acessos

Os agroquímicos se mantém em alta e não acompanham a variação cambial? 

Os custos de produção apresentaram nova queda no mês de julho. O Relatório de Inflação dos Custos de Produção e dos Preços Recebidos, divulgado pela Assessoria Econômica do Sistema FARSUL, nesta quarta-feira (24/08), mostra uma redução de 1,04% no Índice de Inflação dos Custos de Produção (IICP). A taxa cambial foi a responsável pelo resultado, influenciando, principalmente, o preço dos fertilizantes.

No acumulado do ano, a deflação do IICP foi ampliada para –1,75% e, em 12 meses, a inflação é de apenas 2,22%. Somente os fertilizantes apresentaram uma queda média de 24%, no período entre agosto de 2015 e julho de 2016. Porém, nem todos os insumos vem apresentando redução. Os agroquímicos se mantém em alta e não acompanham a variação cambial. 

O Índice de Inflação de Preços recebidos pelos Produtores Rurais (IIPR) também registrou queda (-2,08%) na comparação entre junho e julho de 2016. Esta é a primeira retração após três altas consecutivas. Soja (-6%) e suínos (-7%) foram as maiores influências no resultado. O milho também apresentou decréscimo (-5%), mas devido a ajustes no mercado. A tendência é que em agosto o preço do boi gordo deva pesar negativamente no indicador.

Na comparação entre IIPR e IPCA Alimentos e Bebidas, mais uma vez se mostra equivocada a tentativa de se relacionar o preço pago ao produtor rural daquele praticado ao consumidor. Nos últimos 12 meses, enquanto o IIPR registra 31,34%, o IPCA Alimentos atingiu 12,85%, demonstrando não haver correlação entre eles a curto prazo. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink