Nordeste discute novo plano safra em Salvador
CI
Agronegócio

Nordeste discute novo plano safra em Salvador

Por:

A Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento debate hoje (16-04), a partir das 10h, no auditório do Sebrae, em Salvador (BA), o novo Plano Agrícola e Pecuário da safra 2004/05 para a região Nordeste. A reunião com produtores, cooperativas e entidades do setor faz parte de um ciclo de workshops para ouvir as reivindicações das principais regiões produtoras do Brasil.

Divididos em duas equipes, os especialistas começaram a percorrer o país em fevereiro para discutir o novo plano de safra, que será anunciado em maio. Eles já estiveram em Goiânia (GO), Belo Horizonte (MG), Curitiba (PR), São Paulo (SP), Cuiabá (MT), Porto Alegre (RS), Campo Grande (MS) e Recife (PE), Belém (PA) e Fortaleza (CE). “Continuamos a ouvir a sociedade para desenhar o novo plano e decidir sobre suas prioridades”, diz o diretor do Departamento de Economia Agrícola, Edílson Guimarães.

Os principais objetivos do novo plano são a regionalização da Política Agrícola para Centro-Sul, Norte, Nordeste e Semi-Árido, além da transformação das políticas em ações permanentes e o aperfeiçoamento dos atuais instrumentos de políticas públicas. Outra novidade importante será a divulgação das medidas que compõem o plano em maio. Com isso, os produtores poderão planejar suas decisões bem antes do início do plantio.

As discussões sobre os novos instrumentos privados de comercialização para capitalizar a agropecuária brasileira também serão um dos focos centrais dos debates. As principais iniciativas são o lançamento dos contratos de opções de venda pela iniciativa privada, a criação dos fundos privados de investimentos no agronegócio e as Letras de Comércio Agrícola (LCAs), que poderão ser emitidas por empresas privadas para captar recursos no exterior. O objetivo é integrar o setor agropecuário ao mercado de capitais.

Os especialistas discutirão ainda os preços mínimos; seguro rural; custos de produção; infra-estrutura e logística; propostas para a safrinha de inverno; papel dos bancos cooperativos no financiamento ao setor; e Cédula do Produto Rural (CPR). As reuniões de trabalho também farão balanços de alguns aspectos do plano da safra 2003/2004, lançado em junho de 2003, como o aperfeiçoamento dos oito programas de investimento.

Participam dos roteiros, uma parceria entre o governo, a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), o secretário Ivan Wedekin; seu chefe de gabinete, Itazil Fonseca; o diretor Edílson Guimarães; o diretor do Departamento de Abastecimento Agropecuário, José Maria dos Anjos; o coordenador-geral de Produtos de Exportação, Sávio Pereira; o coordenador-geral de Produtos Básico, Silvio Farnese; o coordenador-geral de Análises Econômicas, Wilson Araújo; e o assessor especial da secretaria, Regis Alimandro. Também devem participar das rodadas de debate representantes do Ministério da Fazenda e do Banco do Brasil.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink