Novidades e atrações da Fenagro podem ser conferidas até domingo
CI
Agronegócio

Novidades e atrações da Fenagro podem ser conferidas até domingo

Em diversos estandes, o público pode adquirir uma variedade de produtos da agricultura familiar
Por:
Em diversos estandes, o público pode adquirir uma variedade de produtos da agricultura familiar

Quem for ao Parque de Exposições de Salvador até o próximo domingo encontrará muitas atrações e novidades apresentadas pela 24ª Feira Nacional da Agropecuária da Bahia (Fenagro 2011), a exemplo de produtos da agricultura familiar, implementos agrícolas, exposições e leilões de animais, além de espaço destinado às crianças como o parque infantil.


Desde a abertura do evento, no último domingo, a Fenagro tem atraído empresários, agricultores, produtores rurais, pecuaristas, famílias, jovens e estudantes interessados em informações sobre o dia a dia no campo. Na feira também estão representadas 27 cadeias produtivas da agricultura familiar.

"Todo ano, trago minhas filhas para conhecerem os animais e as plantas. Esta é uma das poucas oportunidades que elas têm para estar em contato com os animais do campo, porque passam a maior parte do tempo dentro de casa", disse o webdesigner Ricardo Brandão, 36 anos.

Negócios e diversão – Além de novidades da zona rural, o público mirim que visita a maior feira agropecuária do Norte e Nordeste pode brincar em dois parques de diversões, passear de charrete e pônei e ainda fazer parte do Clube Defensores da Natureza.

Na praça central do parque, está montada uma floresta cinematográfica e uma árvore falante conta histórias, explica sobre a vida no campo e mostra a trajetória de alimentos a exemplo de leite, mel e mandioca. A Árvore Encantada Dr. Líptus também traz dicas de sustentabilidade e consumo consciente.


Para os empresários, as oportunidades são diversos negócios no setor agropecuário, por meio de leilões de animais, compra de tratores, ferramentas e outros equipamentos rurais. Foram programados 24 leilões e a participação de 800 expositores, com seis mil animais, entre bovinos, equinos, caprinos e ovinos.

Segundo o secretário estadual da Agricultura, Eduardo Salles, a expectativa é que este ano haja crescimento de 30% em relação ao evento do ano passado e que a feira alcance R$ 100 milhões em negócios, com a venda direta e indireta de animais, maquinários, implementos e financiamentos agrícolas.

Lançamento – A estimativa dos organizadores é que mais de 200 mil pessoas visitem a Fenagro até o encerramento, conhecendo, por exemplo, iniciativas como a da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA). O órgão apresenta aos pequenos agricultores soluções simples para o cultivo como a "bicibomba", equipamento formado por uma bicicleta que, ao pedalar, pode irrigar a plantação. Outra novidade é o lançamento hoje de uma nova variedade de mamona – a EBDA MPA 34 – recomendada para agricultura familiar.


Feira mobiliza crianças e adolescentes usuários do Cepred


A alegria das crianças e adolescentes diante da experiência de conhecer e até tocar animais como cavalos, vacas, cabras, carneiros deixou as mães muito felizes com a visita à Fenagro, na última quarta-feira.

A atividade reuniu mais de 30 usuários do Centro Estadual de Prevenção e Reabilitação de Deficiências (Cepred), da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), e começou com as histórias da Árvore Encantada Dr. Líptus sobre os cuidados com a natureza.


Para chegar ao parque, cada família levou sua criança ou adolescente, porque a atividade faz parte do Projeto Vivendo a Vida, do Cepred, que busca estimular o contato social com pessoas que não têm deficiência. O projeto envolve usuários do centro de todas as idades e organiza a ida deles a cinema, teatro, supermercados, praias e eventos especiais. Segundo a diretora do Cepred, Normélia Quinto, só é aceito convite para eventos se os usuários puderem participar normalmente.

Alegria dos pais – Embora cada família leve o filho para o local do evento, como acontece naturalmente na vida, profissionais do Cepred fazem o acompanhamento porque é uma oportunidade importante de avaliação do plano de reabilitação e de avaliação das habilidades sociais e adaptativas. Na visita, a equipe do Cepred foi formada por fonoaudiólogo, terapeuta ocupacional, fisioterapeuta e psicólogo.

As famílias são trabalhadas sobre a importância do projeto. Eunice de Oliveira Fogaça, 37 anos, mãe de Luis Oliveira, de 5, foi pelo segundo ano à Fenagro com o filho. Disse que a experiência é muito importante. Ela mora em Porto de Sauípe e, para chegar ao Parque de Exposições, contou com o suporte da Prefeitura de Mata de São João, que disponibilizou transporte.

Conceição Santos, 49, residente em Plataforma, no subúrbio ferroviário, levou o neto de 11 anos. Tomou o ônibus especial para acomodar a cadeira de rodas. "Se faço isso para levar meu neto ao Cepred, por que não fazer o mesmo para levar o menino para o lazer?"


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.