Novo adjuvante é alternativa contra greening
CI
NOVIDADE

Novo adjuvante é alternativa contra greening 

Ele é capaz de “segurar” o defensivo na folha do vegetal para que ele aja na próxima vez que o inseto pousar
Por: -Leonardo Gottems

A Brandt anunciou o lançamento do adjuvante Tritek como uma alternativa contra o vetor do greening nos citros e também da mosca branca em diversas culturas como feijão e soja. Trata-se de um óleo com baixos índices de aromáticos, apropriado para altas temperaturas e que pode ser utilizado em diversas culturas agrícolas, agindo na nutrição e no fortalecimento das plantas. 

O produto será lançado nos Estados Unidos e já estará à disposição dos agricultores brasileiros em meados de setembro. De acordo com Wladimir Chaga, presidente da Brandt, o Tritek é um óleo de alta qualidade e com três finalidades diferentes, que age potencializando o efeito de inseticidas, dos fungicidas e propriamente como adjuvante. 

“Ele faz um controle do inseto, com isso ajuda o inseticida ou o fungicida ele potencializa o efeito desses produtos aplicados. Ele vai melhorar controle, vai prolongar o controle pela aderência que ele tem junto a folha. Ele vai melhorar essa aderência por mais tempo e vai melhorar o controle”, explica Chaga. 

Segundo o presidente da Brandt, o Tritek pode ser considerado como um adesivo potencializador de inseticidas. Nesse sentido, Chaga explica que ele é capaz de “segurar” o defensivo na folha do vegetal para que ele aja na próxima vez que o inseto sentar ali. Com o fungicida, segundo o especialista, o processo é praticamente igual, sendo que o adjuvante permite que o produto permaneça na folha por mais tempo mesmo com a ocorrência de chuva. 

“No caso do fungicida é a mesma coisa, se você tem uma chuva e não tem um bom produto que segura, que retém, você acaba perdendo esse fungicida. Ele funciona também como um aderente, melhorando e potencializando o seu fungicida. Ele sozinho como adjuvante, ele pesa a gota, ele diminui a deriva, faz com que a cauda faz no local adequado”, finaliza.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink