Novo levantamento reduz ainda mais a produção de arroz no Brasil


Agronegócio

Novo levantamento reduz ainda mais a produção de arroz no Brasil

Produção deverá ser a menor dos últimos cinco anos
Por:
2117 acessos
Produção deverá ser a menor dos últimos cinco anos
 
O último levantamento divulgado nesta terça-feira, 10 de janeiro, pela Conab confirma uma forte retração na área cultivada de arroz no Brasil. Segundo a companhia a área plantada está estimada em 2, 553 milhões de hectares, uma redução de 9,5% (o levantamento anterior era 9%) ou o equivalente a 267 mil hectares.
 
O Rio Grande do Sul apresentou redução de 120 mil hectares, enquanto o Mato Grosso reduziu 116 mil hectares. Segundo a Conab, a redução daárea semeada está confirmada e as causas da redução são: a dificuldade decomercialização, preços pouco atrativos, aumento no custo de produção e falta de água nos reservatórios (corpos d'água, açudes e barragens) e também, a substituição por culturas mais atrativas, como a soja.
 
A produção nacional está estimada em 11,4 milhões de toneladas (11,927 milhões de toneladas no levantamento anterior), com forte redução sobre a safra anterior (-15,80%), ou correspondendo a um volume superior a 2 milhões de toneladas. Esta safra deverá ser a menor dos últimos cinco anos e possivelmente uma das menores da última década (ver gráfico abaixo).
 
 
O quadro de suprimentos o ano safra 2011/12 indica um forte ajuste entre oferta e demanda com os estoques finais ficando em torno de 1,250 milhão de toneladas, ou o menor dos últimos cinco anos, conforme consta no levantamento divulgado.
 
Portanto, para a próxima safra, projeta-se um cenário de mercado com preços mais atrativos que aqueles alcançados na atual safra, onde as cotações médias do arroz em casca no Rio Grande do Sul, segundo o indicador Esalq/Cepea, poucas vezes ultrapassaram os preços mínimos oficiais.
 
As informações são de Marco Aurélio Tavares - Consultor.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink