Novozymes se expande no mercado de agrobiolólogicos

Agronegócio

Novozymes se expande no mercado de agrobiolólogicos

A empresa dinamarquesa anunciou a aquisição da EMD/Merck Crop Bioscience, da Merck KGaA
Por:
1675 acessos
A dinamarquesa Novozymes anunciou a aquisição da EMD/Merck Crop Bioscience, da Merck KGaA. Com esta nova aquisição no ramo agrobiológico , a Novozymes demonstra ainda mais o seu compromisso em desenvolver soluções sustentáveis para esse setor.

O negócio complementa os mercados e produtos agrobiológicos da Novozymes e oferece um potencial adicional para a empresa. Com sede em Milwaukee, no estado de Wisconsin, a maior parte das atividades da EMD/Merck Crop BioScience é desempenhada nas Américas do Norte e do Sul. A previsão é de que a EMD/Merck Crop BioScience gere vendas de US$ 60 milhões em 2010 e sustenta uma expectativa de crescimento de vendas anual a longo prazo de mais de 10%.

"A aquisição da EMD/Merck Crop BioScience fortalece nossa posição global no mercado em expansão de agrobiológicos, fornecendo produtos que aprimoram o crescimento natural e o rendimento das safras”, afirmou Steen Riisgaard, diretor executivo da Novozymes. “Encontramos na EMD/Merck Crop BioScience uma empresa que tem uma estratégia forte que se adapta ao nosso negócio BioAg atual. Resumidamente, ela conta com uma gama de produtos complementares e escopo geográfico, uma linha sólida de Pesquisa e Desenvolvimento e pessoas muito talentosas. Juntos, podemos alavancar a plataforma de biotecnologia exclusiva da Novozymes para proporcionar um novo nível de inovação para esse mercado.”

O portfólio de produtos da EMD/Merck concentra os potencializadores de crescimento biológico e inoculantes de nitrogênio basicamente usados na produção de soja e legumes, complementando assim o negócio existente de inoculantes de fosfato e de nitrogênio da Novozymes. Os inoculantes, também conhecidos como biofertilizantes, são microorganismos que podem aperfeiçoar significativamente a capacidade das plantas de fixar nitrogênio e utilizar fosfato, que são essenciais para seu crescimento e, dessa forma, melhorar em muito a eficiência dos fertilizantes químicos. O mercado global de biofertilizantes é atualmente estimado em cerca de US$ 250 milhões.

Inovação para a agricultura

A Novozymes entrou nesse mercado de biofertilizantes em 2007, com a aquisição da Philom Bios, no Canadá, e aumentou gradualmente suas atividades, mais recentemente com a aquisição da Turfal, no Brasil, em agosto deste ano. As atividades da EMD/Merck Crop BioScience serão integradas pela empresa BioAg da Novozymes, que mantém uma fábrica no Paraná.

As informações são da assessoria de imprensa da Novozymes.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink