O sorgo como fonte alternativa de agroenergia
CI
Agronegócio

O sorgo como fonte alternativa de agroenergia

Governo disponibiliza recursos para ampliar a área de cultivo do cereal no País
Por:
Governo disponibiliza recursos para ampliar a área de cultivo do cereal no País

Para incentivar ao agricultor na produção de sorgo sacarino, o Governo Federal disponibiliza uma linha de crédito de R$ 1,6 milhão de financiamento por produtor para o cultivo do produto em rotação com a cana-de-açúcar. A medida pretende aumentar o cultivo do cereal para 100 mil hectares a partir da safra 2012/2013, com a aplicação de R$ 270 milhões a juros de 5,5% ao ano.


Segundo o coordenador de Açúcar e Álcool do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), Luis Job, o sorgo sacarino surgiu como uma alternativa de rotação com a produção da cana-de-açúcar. “O sorgo se encaixa perfeitamente no período da entressafra da cana e pode ser uma interessante matéria-prima para produção de etanol”, explicou. Ainda de acordo com Luis Job, é estratégico para o Brasil que outras fontes potenciais de geração de agroenergia sejam fortalecidas e estimuladas. Isto contribuirá para a diminuição da volatilidade de oferta e de preços no período após colheita da cana-de-açúcar.


Conforme pesquisadores da Embrapa Milho e Sorgo, o produto passou a ser testado como matéria-prima para a produção de etanol em 2008. Essa variedade possui taxas maiores de açúcar nos seus colmos que se adaptam ao processo industrial das usinas. As colheitadeiras utilizadas na indústria canavieira também são as mesmas, pois a altura do sorgo é similar à da cana. O cereal pode ser semeado entre os meses de setembro e dezembro e colhido de janeiro a abril, o que beneficia as usinas que ficam ociosas no período da entressafra da cana-de-açúcar.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink