Oferta e demanda de algodão em 2012 podem se equiparar
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,112 (0,05%)
| Dólar (compra) R$ 5,61 (0,12%)


Agronegócio

Oferta e demanda de algodão em 2012 podem se equiparar

Tendência é que mesmo volume consumido no mercado interno seja o reservado para exportações
Por:
805 acessos
Tendência é que mesmo volume consumido no mercado interno seja o reservado para exportações, apontam especialistas
 
A relação oferta e demanda por algodão no Brasil deve seguir um caminho inverso ao dos últimos anos quando o volume destinado para o consumo interno superava o reservado para as exportações. Em 2012, o país pode verificar a tendência de '50 por 50', como destacam os analistas do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea). Na prática, o que se deve consumir pode equivaler ao que será embarcado para outros países.

"A projeção é que as exportações aumentem e como nunca tinha ocorrido o mesmo volume exportado ser o do consumo interno. Que os dois se aproximem. Sempre o consumo interno era maior que o exportado", pontuou Cleber Noronha, analista de mercado do Imea, ao Agrodebate.

O cenário, conforme destaca o especialista, é que em 2012 sejam 930 mil toneladas absorvidas pelas empresas nacionais e também enviados ao exterior. Fatores como a continuidade da alta demanda pode exercer parcela de contribuição e alinhar o cenário esperado.

De acordo com o Imea, nas últimas safras o Brasil exportava por volta da metade do que consumia. "Sempre a exportação foi metade do volume do consumo interno. Esse ano, a tendência é que os dois se equiparem, chegando a um volume de 930 mil toneladas para as duas ações", complementou ainda o analista.

Mas para que o panorama se concretize serão necessárias políticas públicas para incentivo da produção e consumo de produtos têxteis no mercado internacional, pondera o especialita.

Estoque

Em 2012 o Brasil iniciou o ano com estoque de algodão na ordem de 521,7 mil toneladas. Até o final de março, 33% deste volume já tinham exportados, segundo a Secretaria de Comércio Exterior e Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), informou o Imea.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink