Oferta limitada e demanda firme colaboram com alta do preço do sebo em 2016

Agronegócio

Oferta limitada e demanda firme colaboram com alta do preço do sebo em 2016

O mercado do sebo fechou 2016 com preços firmes
Por:
391 acessos

O mercado do sebo fechou 2016 com preços firmes. A oferta restrita da gordura animal e a alta demanda pelo produto colaboraram com este cenário. Atualmente, no Brasil Central, o sebo está cotado em R$2,60/kg. Na comparação com o mesmo período do ano anterior houve alta de 18,2%.

A valorização do óleo de soja no mercado brasileiro também é outro fator que colabora com a valorização do sebo, uma vez que o sebo é utilizado como alternativa do óleo de soja na produção do biodiesel. Para 2017, a perspectiva é de que a oferta de sebo bovino aumente, o que pode colaborar com preços mais frouxos para o produto. Contudo, a demanda deve continuar forme e limitar as desvalorizações.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink