Oferta restrita de boiadas começa a pressionar o mercado

Agronegócio

Oferta restrita de boiadas começa a pressionar o mercado

A oferta restrita de boiadas pressiona o mercado e o viés de baixa que se observava nas semanas anteriores começa a perder força
Por:
855 acessos

A oferta restrita de boiadas pressiona o mercado e o viés de baixa que se observava nas semanas anteriores começa a perder força. Contudo, o lento escoamento da carne com e sem osso limita o poder de reação do mercado. Em São Paulo, as escalas de abate giram em torno de quatro dias.

As indústrias que não possuem parceria ou termo estão com programações de abate mais apertadas e ociosidade elevada, o que comprova a dificuldade de compra de boiadas terminadas. Para os próximos dias, fica a expectativa quanto ao comportamento do escoamento da carne bovina, que poderá colaborar para mudanças no mercado do boi gordo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink