Ouro Fino inicia produção de hormônios para reprodução

Agronegócio

Ouro Fino inicia produção de hormônios para reprodução

A fabricação será no novo complexo industrial da empresa, em Cravinhos (SP)
Por:
15 acessos

A Ouro Fino, empresa de medicamentos veterinários, inicia no próximo semestre a fabricação de hormônios para reprodução animal na nova planta industrial, no complexo industrial de Cravinhos (SP). Foram investidos R$ 5 milhões na fábrica, que recebeu a aprovação do Ministério da Agricultura e terá capacidade para produzir todos os tipos de hormônios.

A unidade foi construída para ampliar a produção da Ouro Fino na área de hormônios de reprodução, segmento do setor veterinário que cresce nos últimos cinco anos. A empresa já comercializa uma variedade de hormônio, produzida na unidade de Ribeirão Preto e tem planos para fabricar 12 produtos na linha de hormônios para bovinos, ovinos e eqüinos. A produção dos primeiros produtos deve começar até setembro e, além da venda no Brasil, os hormônios serão exportados.

Segundo o gerente nacional de vendas da Ouro Fino, José Ricardo Garla Maio, a legislação de 2004 determinou que a produção de hormônios seja feita em fábrica específica, que só produza essa linha, ou em casos onde há fabricação de outros produtos, a exigência é que seja feita uma limpeza rigorosa em toda a fábrica para eliminar possíveis contaminações. Os hormônios são drogas que podem surtir efeitos mesmo em pequenas quantidades, por isso é preciso eliminar qualquer risco de contaminação de outros produtos. "A Ouro Fino optou por fazer uma nova planta para dar garantia total a sua produção de hormônios", disse Maio.

Os hormônios atuam no processo de aprimoramento genético e auxiliam a reprodução animal. A terapia com o hormônio pode ser combinada com as técnicas de inseminação artificial para o desempenho da bovinocultura de corte, por exemplo. Atualmente, o Brasil tem cerca de 70 milhões de vacas e, por ano, nascem cerca de 40 milhões de bezerros.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink