Ovo x Milho: poder de compra do avicultor cai 42,3% em doze meses

Economia

Ovo x Milho: poder de compra do avicultor cai 42,3% em doze meses

Para adquirir uma tonelada de milho em abril foram necessários 11,5 caixas de ovos, representando piora mensal de quase 11%
Por:
102 acessos

Em abril o preço médio dos ovos brancos na granja (interior paulista, caixa com 30 dúzias) alcançou perda mensal de 15,5%. Em doze meses o índice negativo subiu para 27,5%. Do outro lado, o produtor de milho na comercialização do produto - saca de 60 kg, interior de São Paulo – mesmo sofrendo queda mensal de 5,2%, obteve, em doze meses, altíssimo incremento de 40,1%.

Assim, com o índice de queda mensal na comercialização da caixa de ovos muito superior à alcançada na comercialização do milho, foi preciso maior volume de ovos para adquirir o cereal no quarto mês de 2018. 

Para adquirir uma tonelada de milho em abril foram necessários 11,5 caixas de ovos, representando piora mensal de quase 11% no poder de compra do produtor de ovos. E se encontra bem distante do verificado no mesmo período do ano passado quando apenas 5,9 caixas de ovos adquiriam uma tonelada da matéria-prima, representando perda anual de 42,3%. Pior ainda: o desempenho vai piorando ainda mais em relação à necessidade histórica dos últimos 8 anos.

E deve ter prosseguimento em maio, considerando o preço médio na comercialização do produto até o momento. Se não houver evolução no preço dos ovos, o poder de compra deve ser confirmado como o pior do ano.
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink