Ovos: a evolução do preço médio diário no decorrer do ano passado
CI
Imagem: Marcel Oliveira
PECUÁRIA

Ovos: a evolução do preço médio diário no decorrer do ano passado

O ano passado terminou de maneira melancólica para os produtores de ovos
Por:

O ano passado terminou de maneira melancólica para os produtores de ovos que absorveram seguidos retrocessos de preços na última semana de dezembro. O resultado foi a obtenção de um valor de encerramento do ano 2,3% inferior ao recebido no mesmo período do ano anterior.

Considerando o maior valor diário recebido no decorrer do ano, alcançado na passagem do primeiro para o segundo decêndio de agosto, o preço final significou queda de quase 36%. Entretanto, em comparação com o menor valor recebido em alguns dias do primeiro para o segundo decêndio de janeiro, o preço de encerramento foi 15% superior.

O preço médio acumulado no ano atingiu R$108,56, significando 25,7% de aumento sobre o ano anterior e de 55,2% sobre 2020. Nessa mesma base de comparação, o milho obteve incremento de 55% no ano e de 126,7% em dois anos. O farelo de soja, por sua vez, apontou aumento de 31,3% no ano e de 104,9% em dois anos.

E os índices de evolução das matérias-primas muito superiores aos recebidos pelos produtores de ovos mantiveram o setor de postura comercial em grandes dificuldades no decorrer do ano.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.