Ovos "light" fora do mercado
CI
Agronegócio

Ovos "light" fora do mercado

Por:

O Ministério da Agricultura, Pecuária e do Abastecimento determinou que todas as empresas que comercializam ovos que tenham descrição nutricional em suas embalagens, inclusive de índice de colesterol, recolham em 30 dias os produtos das prateleiras de supermercados. Antes de liberar definitivamente o produto, o governo federal pretende analisar a veracidade das informações apresentadas nas embalagens.

A ação partiu do próprio ministério, depois de denúncias de universidades, que colocaram em dúvida a qualidade de produtos anunciados como "light". De acordo com o diretor do Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal (Dipoa), Rui Vargas, o consumidor pode estar pagando a mais por um produto que não oferece na prática aquilo que promete.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.