Ovos/CEPEA: Temperaturas mais baixas e volta às aulas podem reaquecer mercado

Agronegócio

Ovos/CEPEA: Temperaturas mais baixas e volta às aulas podem reaquecer mercado

A queda nas temperaturas trazem esperança ao setor avícola de postura
Por:
504 acessos

A queda nas temperaturas e a volta às aulas a partir desta semana nas escolas da rede pública trazem certa esperança ao setor avícola de postura, que vem registrando baixa liquidez ao longo dos últimos dois meses, de acordo com informações do Cepea.

Primeiramente, o frio esperado para junho não se concretizou, mantendo fracas as negociações do produto. As vendas tradicionais de produtos típicos de festas juninas também não têm apresentado elevações significativas. Outro fator importante é que, com a realização da Copa do Mundo no Brasil, as férias escolares foram antecipadas em algumas escolas públicas, que oferecem merenda aos alunos, reduzindo o consumo de ovos. Nas próximas semanas, esse consumo deve ser retomado com a volta às aulas de parte dessas escolas.

No entanto, como algumas não alteraram o calendário do ano letivo, os hábitos de consumo ainda não devem voltar completamente ao seu ritmo normal. Por enquanto, a oferta tem se sobressaído à demanda e os preços seguem em queda. 
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink