Pagamentos dos leilões de Pepro de milho não estão atrasados
CI
Agronegócio

Pagamentos dos leilões de Pepro de milho não estão atrasados

Pagamento está sendo feito dentro da capacidade operacional
Por:
O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informa que não faltam recursos para pagamentos dos leilões de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor (Pepro) de milho realizados em 2013.

De acordo com a norma da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), após a realização do leilão o produtor tem até 35 dias para comercializar o produto e, até seis meses para comprovar seu escoamento. Somente após o cumprimento dessa fase e a apresentação de toda a documentação é que a Conab realiza o pagamento do prêmio.

“O pagamento está sendo feito dentro da capacidade operacional da Conab. Eventuais atrasos de pagamento, em alguns casos, se deve a inconsistências detectadas nos documentos entregues pelos arrematantes para comprovar as operações”, explica o secretário de Política Agrícola do Mapa, Seneri Paludo. 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink