Pará irá ganhar Laboratório de Controle da Qualidade do Leite

Agronegócio

Pará irá ganhar Laboratório de Controle da Qualidade do Leite

Para a construção do empreendimento, que fará parte do Parque de Ciência e Tecnologia de Belém, o governo estadual irá investir R$ 1,9 milhão
Por:
456 acessos

O Pará irá receber o Laboratório de Controle da Qualidade do Leite da região Norte. Para a construção do empreendimento que fará parte do Parque de Ciência e Tecnologia de Belém, o governo estadual irá investir R$ 1,9 milhão. Em contrapartida, o Ministério da Agricultura entrará com mais R$ 4 milhões para aquisição de equipamentos.

O Pará produz dois milhões de litros de leite. A princípio o laboratório irá atender apenas ao estado, mas após o credenciamento, junto à Rede Brasileira de Laboratórios da Qualidade do Leite, será possível, também, emitir laudos de certificação às unidades produtoras de toda a Região Norte. Além do Pará, existem apenas outros dois laboratórios deste porte no Brasil, um no Paraná e outro em Minas Gerais.

Com o laboratório, será possível identificar um rebanho doente, fazer análises técnicas da produção leiteira, desenvolver pesquisas, criar produtos, capacitar técnicos e produtores, e ainda fazer o monitoramento dos rebanhos, favorecendo a expansão da produção de derivados lácteos artesanal.

O convênio de cooperação técnica e financeira foi assinado na quarta-feira (8/4) entre o governo do Estado, a Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra) e a Embrapa Amazônia Oriental. As informações são do Governo do Estado do Pará.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink