Paraná já colheu 97% do trigo

Agronegócio

Paraná já colheu 97% do trigo

41% já foi vendido
Por: -Leonardo Gottems
927 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

A colheita de trigo no Paraná atingiu 97% dos campos até o último dia 20 de Novembro, de acordo com o relatório semanal de acompanhamento das lavouras, divulgado pelo Deral (Departamento de Economia Rural) da Secretaria da Agricultura daquele estado. A produção deste ano deve superar a de 2015, chegando a 3,4 milhões de toneladas. 

“Além da alta produtividade estadual, os relatos são de boa qualidade do produto colhido, ainda que a avaliação da qualidade feita apenas pelo PH não seja definitiva. Das lavouras ainda não colhidas, o percentual de ‘bom/excelente’ atingiu 99%, com 1% de lavouras em condições médias e zero por cento em condições ruins, o que leva a crer que não teremos trigo forrageiro este ano no estado”, aponta a Consultoria Trigo & Farinhas.

A média de produtividade paranaense superou os 3.100 kg/ha (ou 52 sacas/hectare) – acima inclusive dos 3.050 kg estimados inicialmente. “Isto dificilmente acontece em nossas estatísticas de trigo devido à alta suscetibilidade da cultura às intempéries, que geralmente ocasiona problemas regionais, ora nas lavouras mais precoces, ora nas mais tardias”, ressalta o analista sênior da T&F, Luiz Carlos Pacheco.

A comercialização da safra atingiu 41% do volume produzido nesta safra. Este valor está próximo da média do último anos, que está em 42% (entre 2009 e 2015). No entanto, o resultado quebrou uma sequência de ganhos em volume comercializado que vinha desde 2012.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink