Paridade externa do milho ainda recuando no mercado brasileiro

Agronegócio

Paridade externa do milho ainda recuando no mercado brasileiro

Por:
241 acessos

O mercado do milho no Brasil teve mais um dia negativo, inclusive em termos de paridade externa. O mercado em Chicago voltou a recuar forte, pelo segundo pregão consecutivo. O contrato de setembro de 2009 terminou o dia a US$ 124,41/tonelada, em queda de quase 4%, acumulando um declínio de 24% nos últimos 30 dias. O baixo ritmo de exportações nos Estados Unidos (EUA) e as boas condições climáticas locais somam-se à recente expectativa oficial de uma área plantada maior com o grão neste ano no país.

Com isso, os preços em Chicago vão oscilando nos menores níveis desde novembro de 2006. Nesta quinta-feira (16) pela manhã o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA) divulgou um novo balanço semanal de exportações nos EUA. Os embarques da atual safra no país somam 36,7 milhões de toneladas, 30% inferiores à safra passada. As vendas antecipadas da próxima temporada também avançam a um ritmo muito lento, registradas em apenas 3,3 milhões de toneladas, também 30% mais baixas do que o volume reportado neste mesmo período do ano passado.

Além da queda externa, o mercado brasileiro também enfrenta um novo movimento de desvalorização do dólar frente ao real. O câmbio doméstico fechou nesta quinta-feira a R$ 1,931/dólar (-0,26%). Assim, a paridade nos portos reduziu-se um pouco mais, estimada ao redor de R$ 18,15/saca FOB. Este nível, teoricamente, ameaça pressionar ainda mais as cotações do grão nas regiões produtoras. Em Goiás indicações em torno de R$ 15/saca (CIF bruto) nas áreas de safrinha já são bem mais comuns.

No mercado disponível de Campinas/SP a referência se aproxima da barreira de R$ 20/saca CIF. Na BM&F o contrato de setembro de 2009 oscilou nessa quinta-feira (16) ao redor de R$ 21,51/saca (CIF Campinas/SP), perdendo R$ 2,35/saca nos últimos 30 dias. Tudo indica que os dois leilões de Pepro e PEP das próximas duas semanas terão uma forte demanda, já que os preços nas principais regiões do País estão muito abaixo do mínimo de garantia governamental. No Paraná a média reportada é de R$ 15,60/saca nesta quinta-feira. No Mato Grosso o mercado oscila abaixo de R$ 11/saca em muitas regiões.

Veja tabela de dados em:
http://www.faeg.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=3019&Itemid=113  

A análise de mercado de milho é realizada diariamente pela Gerência de Estudos Técnicos e Econômicos da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (FAEG).

Gerente de Estudos Técnicos e Econômicos: Edson Alves Novaes
Responsável técnico: Adriano Vendeth

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink