Parreirais devem ser monitorados

Agronegócio

Parreirais devem ser monitorados

"Este é o ponto de partida para diagnosticar doenças e pragas nas videiras"
Por:
315 acessos

Atenção aos sintomas das parreiras foi o principal alerta feito nesta quarta-feira (15) aos produtores na 12 Jornada da Viticultura Gaúcha, em Monte Belo do Sul. Conforme o pesquisador da Embrapa Uva e Vinho, Henrique dos Santos, este é o ponto de partida para diagnosticar doenças e pragas nas videiras. Ele orienta que os produtores façam a rotação de culturas e renovem os parreirais, mas retirem raízes, galhos troncos tudo que possa conter resquícios das doenças. Também é necessário comprar mudas certificadas que garantam controle de viroses e doenças fúngicas. Além disso, no inverno, quando as videiras não estão produzindo, os galhos devem ser retirados da propriedade para evitar fungos.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink