Passo Fundo recebe Seminário do AgroEx

Agronegócio

Passo Fundo recebe Seminário do AgroEx

Objetivo é estimular agentes do agronegócio local a participarem do mercado internacional de alimentos
Por:
693 acessos
O 40º Seminário do Agronegócio para Exportação (AgroEx), o segundo deste ano, será realizado no dia 26 de maio, na cidade de Passo Fundo, no Rio Grande do Sul. O local do evento é o auditório da Faculdade de Ciências Econômicas, Administrativas e Contábeis da Universidade de Passo Fundo (UPF). Os interessados podem se inscrever pelo banner do site do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (no endereço eletrônico www.agricultura.gov.br).


A programação inclui nove palestras. Na parte da manhã, serão apresentados assuntos gerais, como oportunidades e desafios às exportações do agronegócio brasileiro; valorização do produto a partir da indicação geográfica; principais exigências sanitárias e fitossanitárias do mercado internacional; e integração contratual. Os temas serão expostos por diretores de diversos departamentos do Ministério da Agricultura e pelo secretário de Relações Internacionais do Agronegócio, Célio Porto.

À tarde, especialistas detalharão aspectos do mercado externo, tais como os gargalos para exportação de lácteos brasileiros e o papel do Banco do Brasil na exportação de produtos agropecuários. Também será apresentado o caso de sucesso da ferramenta de capacitação de empresas para o mercado nacional e internacional e exportação de frango. O analista de comércio exterior do Ministério da Agricultura Adilson Farias fará uma apresentação sobre os caminhos para o produtor rural exportar, com o passo a passo para exportação no agronegócio.


O seminário é promovido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, com o objetivo de estimular produtores rurais e demais agentes do agronegócio local a participarem do mercado internacional de alimentos.

Outra finalidade do evento é a integração contratual, tema de uma das palestras. Com isso, além de instruir e incentivar os produtores locais a começaram a exportar suas mercadorias, o Ministério incentiva também a união dos produtores individuais em cooperativas, associações, condomínios rurais ou consórcios. Essa ação coordenada permite melhor inserção e posicionamento no mercado mundial.

Dados do estado

O complexo soja (grão, farelo e óleo) foi o produto mais exportado do Rio Grande do Sul, em valor e quantidade (US$ 3 bilhões e 7,6 milhões de toneladas), no período de janeiro a dezembro de 2010. O segundo item mais vendido no mercado externo, em termos de volume, com 1,3 milhão de toneladas, foram os produtos florestais (borracha, celulose, madeira, papel).


As carnes foram a segunda mercadoria mais vendida em valor bruto, com US$ 2,2 bilhões. A venda de animais vivos (bovinos, suínos, galos, galinhas, cavalos), exceto pescados, teve a maior variação registrada entre os períodos de 2009 e 2010, com um aumento de 137,79%.

Saiba mais sobre o AgroEx

O Seminário do Agronegócio para Exportação (AgroEx) é uma iniciativa da Secretaria de Relações Internacionais do Agronegócio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, com o objetivo de disseminar informações estratégicas para estimular os agentes do agronegócio brasileiro a aumentar sua participação no mercado internacional.


O último AgroEx foi realizado em Maceió, Alagoas, no dia 28 de abril (o primeiro deste ano). Em 2010, foram promovidos oito seminários em oito estados diferentes (Paraná, Minas Gerais, Ceará, Tocantins, Goiás, Rio Grande do Sul, Pará e Espírito Santo), com um público total de mais de 2 mil pessoas.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink