Penúltimo dia de simpósio movimenta agroindústria da cana

Agronegócio

Penúltimo dia de simpósio movimenta agroindústria da cana

Nesta quinta-feira, penúltimo dia do 26º Simpósio da Cana-de-açúcar, o censo de produtividade de cana-de-açúcar na safra 08/09 em Alagoas foi tema de discussão da palestra ministrada por Cândido Mota, presidente da Sociedade dos Técnicos Açucareiros
Por: -Renata
385 acessos

Nesta quinta-feira, penúltimo dia do 26º Simpósio da Cana-de-açúcar, o censo de produtividade de cana-de-açúcar na safra 08/09 em Alagoas foi tema de discussão da palestra ministrada por Cândido Mota, presidente da Sociedade dos Técnicos Açucareiros e Alcooleiros do Brasil – Stab.

Devido a diversos fatores como a crise mundial que atinge o setor sucroalcoleiro, desde setembro de 2008, variações climáticas e falta de irrigação de algumas usinas, também em virtude da crise, Alagoas teve uma queda drástica de 10 milhões de toneladas por hectare de cana-de-açúcar, nesta safra 08/09 em relação a anterior (de 75 para 65 toneladas por hectare).

Segundo Cândido Carnaúba, um meio para melhorar a próxima safra é diminuir ou substituir o número de variedades de cana-de-açúcar, com cerca de 180 variedades . “Quando a variedade é ruim é preciso cortá-la, não tem que ter pena, variedade ruim tem que sair, ser substituída”, enfatizou Cândido Mota.

Três fatores são determinantes para o cultivo da cana-de-açucar, a água – e preciso manter uma irrigação adequada, adubar e sol (luminosidade), fatores que dependem em grande parte do clima, é preciso ter produtos de qualidade para manter o solo fértil para o cultivo da cana.

O evento, um dos maiores do setor sucroalcooleiro nordestino, reúne mais de mil participantes, entre estudantes, profissionais e empresários, que têm a oportunidade de discutirem e conhecerem o que vêm sendo feito na área.

Promovido pela parceria Stab Regional Leste e o Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal de Alagoas, um dos mais renomados do país e atual centro de pesquisas da RIDESA. O simpósio é realizado em conjunto com a sexta Feira Regional Sucroalcooleira (6ª Fersucro).

A 6° Fersucro e o Simpósio, que acontecem, desde a última segunda-feira, no Centro de Convenções, terminam amanhã.

Panorama das variedades de cana-de-açúcar do Estado de Alagoas; fontes combinadas de materiais de alta tecnologia, irrigação e adubação, e tendência do melhoramento das pesquisas da cana-de-açúcar; gerenciamento e manutenção de sistemas de irrigação mecanizada; além de experiências de usinas alagoanas, no que se refere à safra 08/09. Esses foram os assuntos discutidos no penúltimo dia de palestras do 26º Simpósio da Agroindústria da Cana-de-Açúcar de Alagoas. As informações são da assessoria de imprensa do evento.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink