Perda nas pastagens em função da geada chega a 50% na região de São Leopoldo/RS

Agronegócio

Perda nas pastagens em função da geada chega a 50% na região de São Leopoldo/RS

As culturas sensíveis ao frio intenso estão sofrendo com o clima deste inverno
Por:
427 acessos

São Leopoldo - A perda em virtude da geada, principalmente nas pastagens está entre 50 e 60%, segundo os produtores leopoldenses. "O índice de perdas poderá aumentar porque o frio ainda não acabou’’, diz o técnico da Emater de São Leopoldo Marcelo Biassusi. As culturas sensíveis ao frio intenso como pastagens e hortaliças cultivadas ao natural estão sofrendo neste inverno. A geada, além de queimar as folhas, reduz o valor nutricional. Com isso, a criação bovina e a produção de leite são diretamente prejudicadas.

Segundo Biassusi, as culturas mais afetadas pela geada são o milho, a cana-de-açúcar, pastagens nativas e cultivadas como o cameron. "Só o azeven e a aveia suportam a geada’’, comenta o técnico.

Agricultores que armazenam o milho na própria plantação correm o risco de recolher espigas com fungos e mofo. "O agricultor que não tem sistema de silagem passa trabalho com a geada." A silagem é indicada para o milho e até para a pastagem que já sofreu com a geada. Neste sistema tudo é picado e armazenado evitando perdas totais.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink