Agronegócio

Perdas no feijão com a chuva são de até 25% no PR

A colheita está prejudicada e as perdas estão nos Campos Gerais e no Centro-Sul
Por: -Eduardo Biagini
3 acessos

O clima instável causa transtornos aos produtores de feijão do Paraná. Sem períodos longos de sol nas últimas semanas, a colheita da safra está prejudicada e as perdas são de até 25% em lavouras dos Campos Gerais e do Centro-Sul.

De acordo com o Departamento de Economia Rural (Deral) da Secretaria de Estado da Agricultura (Seab), o Centro-Sul – de onde sai mais da metade da safra de feijão, pré-estimada em 631,9 mil toneladas – enfrenta problemas na colheita.

A estimativa de perda de 25% vem da constatação dos técnicos. O engenheiro agrônomo José Luiz Buss confirma esse número e diz que os grãos perderam qualidade, por causa da umidade. Ele atua na região de Ponta Grossa.

“Ainda vamos fazer um levantamento, mas com essas chuvas podemos dizer que o feijão já está com perdas”, afirma a engenheira agrônoma do Deral Margorete Demarchi.

O produtor Fabiano Wiesnieski está contabilizando os prejuízos. Há 11 dias ele tenta colher 50 dos 70 hectares da sua lavoura. O restante foi colhido antes do início do período chuvoso. “Chegou a um ponto de desespero. Vou colher o que puder”, afirmou. Segundo Wiesnieski, se as perdas ficarem em 12%, o prejuízo será de R$ 2,4 mil por hectare.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink