Pesquisa oferece oportunidade para atuação em nicho de mercado de pêssego

Agronegócio

Pesquisa oferece oportunidade para atuação em nicho de mercado de pêssego

Evento voltado aos produtores ocorre de 23 a 24 de setembro em Campinas
Por:
1018 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Viveiristas interessados em investir em nicho de mercado de pessegueiros devem ficar atentos à oportunidade de parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). Em setembro, além de abrir edital de licenciamento para produção e comercialização de mudas da primeira cultivar nacional de pêssego platicarpa, de formato achatado, a Embrapa Produtos e Mercado (Brasília/DF) realiza o I Workshop de Nichos de Mercado para o Setor Agroindustrial, nos dias 23 e 24, em Campinas/SP.

Até agora os frutos do tipo platicarpa que abastecem o varejo local chegam principalmente da Europa e Estados Unidos, mas o produtor brasileiro também poderá investir no segmento. A abertura do processo de oferta de material propagativo e licenciamento está prevista para a segunda quinzena de setembro, com divulgação pelo endereço: http://spm.sede.embrapa.br/licitacao/

As pesquisas da Embrapa com a fruta platicarpa já tem 20 anos, metade dos quais foram dedicados especificamente à nova cultivar de pêssego chato apropriado às condições locais de cultivo, conforme explica a pesquisadora Maria do Carmo Raseira. Ela integra a equipe da Embrapa Clima Temperado, localizada em Pelotas/RS, e liderou o desenvolvimento da novidade batizada de BRS Mandinho.

Criança, menino, piá são significados do nome, sugerido pelo tamanho pequeno a médio do fruto (cinco centímetros de diâmetro contra os cerca de sete das frutas importadas), que apresenta caroços de dimensões proporcionalmente pequenos. Em termos de mercado, o ganho representado pela cultivar é a viabilidade da produção do pêssego platicarpa em campos brasileiros, a partir de sua adaptação para cultivo em regiões com menos de 150 horas de frio no inverno, maturação na segunda quinzena de novembro e com produtividade atrativa (14 toneladas/ha, em pomar adulto).

De acordo com a pesquisadora Ana Paula Vaz, da Embrapa Produtos e Mercado, o atendimento a nichos de mercado em fruticultura comumente se dá dar por meio da agregação de valor em termos de sabor, aparência e apresentação. A vida útil do produto é também preocupação num mercado que lida com material perecível e dependente da boa apresentação do produto para assegurar-lhe vantagem competitiva, diz Vaz.

As inovações destinadas a prolongar o tempo de prateleira das frutas vão desde o campo, com cultivares portadoras desta característica, às embalagens que assegurem a aparência adequada do fruto até a mesa do consumidor final. No caso da nova cultivar de pêssego, de formato diferenciado e destinada a público que busca essa especificidade, a pesquisa oferece a fruticultores locais a oportunidade de explorarem o nicho de mercado consolidado por produtores estrangeiros e ainda sem concorrentes na região sul americana.

Workshop – A fruticultura será um dos destaques no I Workshop de Nichos de Mercado para o Setor Agroindustrial. O evento será realizado pela Embrapa nos dias 23 e 24 de setembro em Campinas/SP, no Centro de Convenções da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O Workshop é uma realização da Embrapa Produtos e Mercado e conta com o apoio do Departamento de Transferência de Tecnologia (DTT) da Embrapa e da Faculdade de Engenharia Agrícola (Feagri) da Unicamp.

O objetivo do evento é levar ao setor produtivo a oportunidade de, ao lado de representantes da pesquisa agropecuária e instituições públicas de fomento, debater temas relacionados à valorização de mercados específicos, que ao serem explorados podem conferir competitividade ao empreendedor. A programação prevê palestras e debates após a apresentação de estudos de caso como o que será apresentado, na manhã do dia 24, pelo produtor Luis Galhardo, da Agrocinco, que abordará as alternativas para esses mercados. A empresa é parceira da Embrapa na produção e multiplicação de material propagativo de hortaliças e frutas.

SERVIÇO

Evento: I Workshop de Nichos de Mercado para o Setor Agroindustrial

Data: 23 e 24 de setembro de 2014

Horário: das 8h30 às 12h30 e das 14h às 18h

Local: Campinas/SP – Centro de Convenções da Unicamp Auditório 2

Endereço: Cidade Universitária Rua Elis Regina, 131 – Cidade Universitária – CEP: 13083-970 

Público Alvo: Produtores rurais, agricultores familiares, empresários e industriais do setor agrícola, distribuidores comerciais, representantes do setor de produção de sementes e mudas, pesquisadores, técnicos, estudantes, formadores de opinião da imprensa e do setor público.

Inscrições: Haverá emissão de certificados. Valores da inscrição: até 15/08 – R$ 80,00; até 05/09 – R$100,00 e até 23/09 – R$150,00. Estudante paga meia.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink