Pesquisador fala sobre reprodução de ostras em fórum virtual

Imagem: Pixabay

OSTRA

Pesquisador fala sobre reprodução de ostras em fórum virtual

O evento é promovido pelo NUMAR do IFMA) em comemoração aos 10 anos de existência do Laboratório
Por:
252 acessos

O pesquisador da Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE) Jefferson Legat é um dos palestrantes do Fórum on-line de ‘Cultivo de Moluscos’ que acontece nos dias 25 e 26 de junho.

O evento é promovido pelo Núcleo de Maricultura (NUMAR) do Instituto Federal do Maranhão (IFMA) – Campus São Luís Maracanã, em comemoração aos 10 anos de existência do Laboratório. 

A palestra de Legat, intitulada ‘Ciclo reprodutivo e métodos de obtenção de sementes da ostra nativa Crassostrea gasar’, acontece na quinta (25) às 15h.

Legat possui graduação em oceanologia pela Fundação Universidade Federal do Rio Grande (1998), mestrado em oceanografia biológica pela mesma instituição (2001) e doutorado em Aquicultura pela Universidade Federal de Santa Catarina (2015). Atua nas áreas de biologia pesqueira e maricultura. Coordenou projetos de pesquisa e desenvolvimento na Área de Proteção Ambiental (APA) do Delta do Rio Parnaíba, relacionados ao cultivo de moluscos bivalves e pesca de espécies marinhas e estuarinas.
 
O pesquisador realiza ações de pesquisa atualmente nos projetos ‘Bases tecnológicas para a produção sustentável de ostras nativas no Norte e Nordeste do Brasil’ (OstraNNE) e ‘Aquicultura com tecnologia e sustentabilidade’ (Aquitech), entre outros.

A inscrições para o fórum são gratuitas, bastando acessar https://www.even3.com.br/fcmnumarif2020/ para se cadastrar. Para receber o certificado, o participante deverá selecionar as palestras que deseja assistir no ato da inscrição.  

As palestras serão transmitidas ao vivo através do canal do IFMA - Campus São Luís Maracanã no YouTube.

O elenco de palestrantes é formado por pesquisadores nacionais que trabalham com espécies de moluscos nativos que apresentam potencial de desenvolvimento na malacocultura, sobretudo para as regiões Norte e Nordeste. 

Segundo os organizadores, o objetivo é discutir e divulgar resultados dessas pesquisas, com a expectativa de contribuir com o desenvolvimento do setor, evidenciando esta atividade como uma alternativa sustentável para as comunidades pesqueiras tradicionais.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink