Piauí deve se tornar área livre de aftosa em 2012
CI
Agronegócio

Piauí deve se tornar área livre de aftosa em 2012

Estado possui um rebanho de aproximadamente 1,7 milhão de cabeças de gado
Por:
O Piauí possui um rebanho de aproximadamente 1,7 milhão de cabeças de gado

As campanhas de vacinação e a fiscalização para o controle da febre aftosa no Piauí pode garantir ao Estado o certificado de área livre de aftosa em 2012. A informação é do secretário estadual de Desenvolvimento Rural, Rubem Martins.

O secretário explica que a febre aftosa desacelerou bastante os negócios da pecuária piauiense e há apenas dois anos o Estado saiu do risco desconhecido para o risco médio. “Com o esforço do governo e a mudança cultural dos nossos criadores, temos conseguido grandes avanços”, pontua.

Em outubro de 2003, o índice de vacinação do rebanho bovino piauiense era de 53,26% e em março de 2004 atingiu sua pior marca que foi de apenas 45,02%. Com o passar dos anos e os investimentos necessários, foi atingida a marca de 93,83% em novembro de 2010, e o recorde de 95,72% em maio deste ano. O desempenho foi reconhecido pelo Ministério da Agricultura que já sinaliza para o que o Estado ganhe a certificação de área livre de aftosa até junho de 2012.

O diretor geral da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Piauí (Adapi), José Antônio Filho, explica que a situação do Piauí é bastante animadora. “Estivemos recentemente em uma reunião em Brasília com sete estados do Nordeste e o Pará. A avaliação que foi feita mostrou que o Piauí era o terceiro melhor colocado em relação à aplicação de polícias e iniciativas de combate à febre aftosa”, pontua, acrescentando que há 14 anos o Piauí não registra um caso sequer da doença.

De acordo com José Antônio Filho, o cronograma de trabalhos da doença aponta que, no máximo, em junho de 2012 o Piauí já receba a certificação de área livre de aftosa. Nessa quarta-feira (14-12) foi encerrada a venda da vacina e a certificação deve ocorrer até o próximo dia 28.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.