Plantas manipulam feromônios de vermes e repelem infestações

DESCOBERTA

Plantas manipulam feromônios de vermes e repelem infestações

Os nematóides no solo percebem a mistura como um sinal, enviado por plantas já infectadas, para "ir embora"
Por: -Leonardo Gottems
898 acessos

Novas pesquisas descobriram que as plantas manipulam os feromônios dos vermes para repelir infestações, fornecendo informações sobre como os agricultores podem combater essas pragas. Os nemátodes são minúsculos vermes ubíquos que infectam as raízes das plantas, causando mais de US$ 100 bilhões em danos às culturas em todo o mundo a cada ano. 

"Não é apenas que a planta possa 'sentir' ou 'cheirar' um nemátodo", disse Schroeder, professor do Instituto Boyce Thompson e professor de química e biologia química na Faculdade de Artes e Ciências de Cornell. “É que a planta aprende uma língua estrangeira e depois transmite algo nessa língua para espalhar propaganda de que 'este é um lugar ruim'. As plantas mexem com o sistema de comunicação dos nematóides para afastá-los”, completa. 

O estudo baseou-se no trabalho anterior da equipe, que mostrou que as plantas reagem ao ascr # 18, o ascarosídeo predominante secretado pelos nematóides que infectam as plantas, reforçando suas próprias defesas imunológicas, protegendo-as de muitos tipos de pragas e patógenos. "Também vimos [nesses estudos anteriores] que, quando o acréscimo 18 foi administrado às plantas, o produto químico desapareceu com o tempo", disse o principal autor Murli Manohar, pesquisador associado da BTI. 

A equipe levantou a hipótese de que nematóides no solo percebem a mistura como um sinal, enviado por plantas já infectadas, para "ir embora" e impedir a superpopulação de uma única planta. Os vermes podem ter evoluído para sequestrar o metabolismo da planta para enviar esse sinal. 

"Esta é uma dimensão do relacionamento que ninguém viu antes", disse Daniel Klessig, membro do corpo docente da BTI e professor adjunto do Departamento de Fitopatologia da Faculdade de Agricultura e Ciências da Vida de Cornell. 


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink